José Carlos Alexandrino e Secretário de Estado da Alimentação inauguram FESTA DO QUEIJO

 

O presidente da Câmara de Oliveira do
Hospital convidou ontem os milhares de visitantes da FESTA DO QUEIJO a
“servirem-se” das iguarias do concelho, com particular destaque para
o QUEIJO SERRA DA ESTRELA, um dos melhores (senão o melhor) do mundo.
Acompanhado pelo Secretário de Estado da Alimentação, Nuno Brito, descerrou um
enorme queijo numa lona, numa original abertura de hostilidades. Em mensagem
que ainda ontem veiculou na sua página pessoal no facebook, o autarca
mostrou-se convicto que este é um evento de grande sucesso e impacto,
congratulando-se pela adesão de público e expositores e assim pelo sucesso que
está a alcançar. No
discurso que proferiu no evento, apelou a uma “parceria” com a
Secretaria de Estado da Alimentação, para um cada vez maior apoio aos pastores
e queijeiras.

António José Seguro recebido entusiasticamente
em Oliveira do Hospital na companhia do presidente da câmara
José Carlos
Alexandrino e do
presidente da Assembleia Municipal, António Lopes.
Foto: Centro TV
– Líder do PS que descola cada vez mais
do PSD nas sondagens (Expresso/SIC,5 Março : 35% ao PS e 27%ao PSD) foi
recebido ontem em Oliveira do Hospital por milhares de pessoas
O Secretário Geral do PS,António José
Seguro, deslocou-se ontem a Oliveira do Hospital para visitar a Festa do Queijo
Serra da Estrela, na companhia do atual Presidente da Câmara, José Carlos
Alexandrino, do líder local do PS, José Francisco Rolo, e de dezenas de
militantes e autarcas do partido. A receção não poderia ter sido mais
entusiástica, com muitos milhares de pessoas a mostrarem o seu apoio ao
candidato a Primeiro Ministro nas próximas legislativas. Seguro, num discurso
cada vez mais ao ataque, acusou o governo de “provocar forte instabilidade
no país” com as suas atuais políticas, atirando a responsabilidade de uma
eventual crise política para os partidos que atualmente estão no poder.
São cada vez mais os que acreditam que o
governo PSD/CDS-PP não chegará ao fim da legislatura. A situação do país, com
um nível de desemprego nunca visto e a aumentar exponencialmente (mais de 1
milhão, em termos reais, ou seja praticamente 20% da população ativa), a perda
contínua de poder de compra, o desânimo e a falta de esperança, poderão vir a
provocar a queda de um governo que se tem mostrado incapaz de saber gerir a
situação dramática que o país atravessa, e também de saber comunicar com o
páis, como a própria “troika” tem afirmado. Isto apesar de estar a
ser reconhecido pelos “mercados” como um bom aluno e excelente
executante das políticas de austeridade. A aproximação cada vez maior do líder
do PS à “troika”  é um mais um
sinal de que algo poderá vir a acontecer nos próximos tempos …
Seguro reiterou na cidade Beirã toda a
confiança que o seu partido deposita na reeleição do atual presidente da
Câmara, José Carlos Alexandrino – eleito como independente na lista do PS em
2009 e tendo como objetivo nas autárquicas de Outubro a maioria absoluta
(atualmente tem 3 dos 7 vereadores).

Este portal utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização Saiba mais sobre privacidade e cookies