Galp leva a cabo projeto “Switch Up” nas Escolas Secundárias

O novo projeto educativo da Galp chama-se Switch UP e destina-se aos estudantes, com mais de 15 anos, a frequentar o Ensino Secundário e Profissional. Com o objetivo de incentivar a mudança de comportamentos para um consumo mais eficiente de energia, promove a criação de clubes nas escolas para o desenvolvimento de projetos relacionadas com a eficiência energética, a discussão de ideias e o envolvimento da comunidade. O Switch UP é financiado pela Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos e conta com a parceria da Agência Portuguesa do Ambiente, Agência para a Energia, Direção Geral de Energia e Geologia, Direção Geral de Educação e Comissão Nacional da UNESCO Portugal. 

Promover um consumo mais eficiente dos recursos energéticos junto da sociedade é há muito um compromisso assumido pela Galp. Tendo em conta que a empresa produz, distribui e fornece energia, o desenvolvimento de programas educativos sobre eficiência energética tornou-se uma linha central na sua estratégia de sustentabilidade e um caso de estudo no domínio da educação ambiental.

Dado que as crianças e os jovens são os principais catalisadores da mudança de comportamentos da sociedade, é neles que a Galp aposta para promover um futuro mais sustentável, com consumos mais eficientes de energia. Neste sentido, e pelo oitavo ano consecutivo, a empresa continua a levar às escolas os seus programas educativos sobre eficiência energética, que este ano apresentam uma grande novidade – projeto Switch UP – que se junta agora à Missão UP, implementada nas escolas do 1.º Ciclo de Ensino Básico desde o ano letivo 2010/2011, e Power UP, que decorre nas escolas de 2.º e 3.º Ciclo desde o ano letivo 2014/2015.

Tendo como denominador comum a promoção da eficiência energética e a inter-relação entre todas as fontes de energia – fósseis e renováveis – junto dos alunos, comunidade escolar, pais, encarregados de educação e sociedade, os três projetos apresentam características distintas, quer em termos de públicos-alvo, quer de atividades a realizar em meio escolar.

 

Novidade 2018 – Switch UP

 

Implementado em todo o país nas instituições de Ensino Secundário – públicas e privadas, incluindo escolas profissionais – este novo projeto permite aos estudantes, com mais de 15 anos, responderem e participarem, pela primeira vez, nos desafios lançados pela Galp.

 

Para esta faixa etária de alunos, a Galp considera importante estimular a opção por profissões relacionadas com a energia, a sustentabilidade e a tecnologia, que têm cada vez maior relevância no mercado de trabalho. Por isso, os desafios lançados aos jovens, no âmbito do Switch UP, potenciam o espírito empreendedor, a colaboração e o trabalho de equipa.

Sob a forma de concurso, este projeto promove a constituição de clubes nas escolas para o desenvolvimento de projetos, discussão de ideias, envolvimento da comunidade e partilha de atividades relacionadas com a eficiência energética.

As escolas e os estudantes interessados em participar neste concurso devem inscrever-se em http://galpswitchup.com/. O projeto Switch UP é uma medida financiada pela ERSE, Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos, no âmbito do Plano de Promoção de Eficiência no Consumo de Energia Elétrica.

O universo potencial de implementação do Switch UP é de 958 escolas do Ensino Secundário, que abrangem mais de 396.754 alunos e 72.509 professores. As 200 primeiras escolas a inscreverem-se são premiadas com uma visita Switch UP, que consiste numa ação formativa de apoio ao desenvolvimento dos projetos.

O clube que apresentar o projeto vencedor ganhará uma viagem a Silicon Valley, nos EUA. Este será o grande prémio do Switch UP, mas haverá outros prémios a atribuir às melhores atividades desenvolvidas pelos vários clubes nas seguintes categorias:

-Atividade mais inovadora;

-Atividade com melhor uso da tecnologia;

-Atividade melhor comunicada;

-Atividade com maior número de pessoas envolvidas

-Melhor mostra.

Com este novo projeto, a Galp reforça o seu compromisso com um futuro energético mais sustentável junto dos estudantes que frequentam a escolaridade obrigatória, incorporando esta missão na sua estratégia.

 

Power UP

 

O projeto Power UP destina-se aos alunos do 2º e 3º ciclo do Ensino Básico e pretende envolver os estudantes, e todos os membros da comunidade escolar, na criação de equipas multidisciplinares e na promoção da adoção de comportamentos mais sustentáveis, associados a um consumo mais eficiente de energia. Os temas mantêm-se: fontes de energia, mobilidade sustentável e pegada energética.

Este ano, as primeiras 150 escolas a inscreverem-se recebem uma visita Power UP, que consiste na deslocação de um monitor para explicar o projeto e inspirar os alunos, apoiando-os na avaliação de necessidades energéticas da escola e no planeamento de atividades.

 

As escolas aderentes devem constituir equipas, tantas quantas desejarem, que ao longo do ano deverão delinear e pôr em prática ações para a promoção da eficiência no consumo de energia, na escola. Deverão ainda dinamizar uma Aula de Energia aos colegas do 1.º Ciclo do Ensino Básico. Como incentivo à participação, este ano a Galp lança dois desafios temáticos às escolas, de modo a aproveitarem as épocas de maior consumo para desenvolverem atividades promotoras da eficiência energética. As três escolas que apresentarem as ações mais criativas, em cada desafio, são premiadas com uma visita pedagógica a uma instalação industrial da Galp.

Os jogos online complementam os materiais pedagógicos do projeto, estando disponíveis para qualquer utilizador aprender, testar os seus conhecimentos e ganhar prémios. São seis jogos interativos com os quais os estudantes podem, por exemplo, saber mais sobre condução eficiente e perceber como funciona a extração do petróleo ou o seu processo de refinação.

No final do ano letivo, as três escolas vencedoras do Power UP receberão como prémio uma visita a um Centro Ciência Viva, entre outros prémios.

 

 

Missão UP

 

Destina-se aos alunos do 1º ciclo, professores, pais e encarregados de educação e tem como temas as fontes de energia, a mobilidade sustentável, a pegada energética e as profissões associadas à energia. Este é o projeto educativo sobre eficiência energética mais antigo da Galp, tendo envolvido, desde o ano de implementação (2010/2011), mais de 80% das escolas portuguesas.

As escolas que aderirem ao projeto vão receber um “Selo Escola Aderente” e um “Guião de Atividades” com onze temas relacionados com a eficiência energética e sugestões de atividades para cada tema, que poderão ser desenvolvidas ao longo do ano letivo por “Brigadas de Alunos”, formadas pelas escolas, com o acompanhamento e orientação dos professores.

As primeiras 500 escolas inscritas receberão visitas Missão UP, que consistem em miniaulas dadas por colaboradores da Galp que, de uma forma dinâmica e interativa, e com a projecção de filmes pedagógicos, abordarão os quatro temas do projeto e responderão a dúvidas colocadas pelas crianças.

Na Missão UP também serão lançados dois desafios, no sentido de estimular os participantes a aproveitarem as épocas festivas para desenvolver ações exemplares, do ponto de vista da eficiência energética. As três escolas mais criativas, em cada desafio, receberão uma visita especial lúdico-pedagógica.

As escolas que reportarem cinco atividades associadas a diferentes temas dos onze propostos no Guião de Atividades irão a concurso, no final do ano. As três vencedoras serão premiadas com uma visita a um Centro Ciência Viva, entre muitos outros prémios.

 

Impacto dos programas educativos Galp

Ao longo dos últimos sete anos letivos, a Galp deu 3442 aulas de energia, impactando mais de 1 milhão e 300 mil alunos com os seus programas educativos sobre eficiência energética. A Missão UP esteve presente em 3514 escolas do 1º ciclo do Ensino Básico, abrangeu mais de 1 milhão de alunos e envolveu mais de 113 mil professores e outros membros da comunidade educativa. O projeto Power UP registou a adesão de 254 escolas do 2º e 3º ciclo do Ensino Básico, envolvendo mais de 5000 estudantes nas suas atividades.

Sustentabilidade comprovada

O compromisso com o desenvolvimento sustentável é um dos pilares estratégicos da operação da Galp. O empenho da empresa na promoção da eficiência energética e de hábitos de consumo de energia mais sustentáveis, na sociedade, tem sido reconhecido globalmente, com a atribuição de diversos prémios e distinções.

Em 2016, a Galp voltou a integrar o grupo das empresas mais sustentáveis do mundo, cumprindo mais uma vez os rigorosos critérios do Dow Jones Sustainability Indices (DJSI). No DJSI Europe, num universo de 10 empresas do sector de Oil & Gas Upstream & Integrated, a Galp foi uma das duas empresas selecionadas. No índice DJSI World, a Galp permaneceu no grupo restrito de nove empresas, num universo de 79 empresas convidadas, encontrando-se no percentil 93 do ranking do seu sector. Na dimensão ambiental, a Galp lidera, pela primeira vez, este ranking mundial, com base numa elevada performance nas categorias de “Estratégia climática” e “Eficiência eco-operacional”. A Galp mantém-se, pelo sexto ano consecutivo, no grupo de empresas que se destacam e são reconhecidas pelas suas políticas de sustentabilidade tanto a nível europeu, como mundial.

Desde 2014, a Galp integra, o FTSE4Good Index Series, o índice da FTSE que avalia e classifica o desempenho das empresas com práticas ambientais, sociais e de governação mais exigentes e que serve de referência a um número crescente de investidores institucionais, que apenas investem em empresas que cumprem estes critérios.

A Galp foi distinguida como líder global em sustentabilidade corporativa, num universo de 25 empresas, com a posição “Lista A” para o Clima e Água pelo Carbon Disclosure Projet (CDP) organização internacional sem fins lucrativos que impulsiona economias sustentáveis. Este foi o sexto ano consecutivo que o CDP reconheceu a Galp como uma empresa líder na divulgação. Pelo terceiro ano consecutivo, a empresa é líder na estratégia e gestão das alterações climáticas e, pela primeira vez na categoria da água, foi considerada empresa líder pelas suas práticas de redução, reutilização e reciclagem de água.

Com os projetos educativos Missão UP e Power UP, a Galp foi uma vez mais reconhecida, em 2016, com o Energy Globe Awards, o mais prestigiado prémio ambiental, que distingue projetos regionais, nacionais e globais que preservem os recursos energéticos ou utilizem fontes renováveis ou fontes isentas de emissões.