Câmara de Nelas avança com quatro candidaturas de Reabilitação Urbana num total de 5 milhões

Press Release CM de Nelas :

Foram hoje aprovadas, por unanimidade, em Reunião de Câmara Extraordinária, a delimitação de quatro ARUS (Áreas de Reabilitação Urbana) : ARU de Nelas, Canas de Senhorim-Urgeiriça, Santar-Casal Sancho e Caldas da Felgueira.

Tal delimitação da área urbana a incluir nesse instrumento de gestão territorial é fundamental para que a Câmara Municipal possa recorrer a Fundos Comunitários, inscritos no Aviso da PT 2020, PORegional, que se encontro aberto num montante de 70 milhões de euros para 69 Concelhos da Região Centro, sendo expectável que ao Município de Nelas venha caber uma verba para reabilitação urbana, em termos de intervenção pública, no valor entre 1 milhão e 1 milhão e meio de euros, apresentando, no entanto, a Câmara Municipal uma candidatura no valor de aproximadamente 5 milhões de euros, valor esse a prever já um reprogramação de fundos comunitários e reforço de verbas.

O essencial de intervenção urbana, naquilo que é denominado por PARU (Plano de Ações de Regeneração/Reabilitação Urbana) centra-se na requalificação de ruas e praças e também no reforço das condições de uma Casa das Artes em Nelas, um Multiusos em Canas de Senhorim, um Centro de Artes do Vinho e do Espaço em Santar (CAVE) e da melhoria da zona ribeirinha das Caldas da Felgueira.

A constituição das ARU’s, para além do investimento público, implicará também um quadro de benefícios fiscais e recurso a financiamentos em condições favoráveis para reabilitação de prédios degradados por parte de particulares e empresas, benefícios fiscais esses que serão posteriormente definidas em Assembleia Municipal por proposta da Câmara, mostrando-se o Presidente der Câmara e todos os Vereadores disponíveis para constituir mais uma ARU que abranja todo o Município de Nelas, de forma a que todos os munícipes e empresas tenham as mesmas oportunidades de recorrer a Fundos e incentivos fiscais e o possam fazer em condições de igualdade. Para além da discussão em Reunião de Câmara, o Presidente fez anteceder a delimitação das ARUS de Discussão Pública que se realizou em final de Abril, início de Maio, tendo incorporado na proposta todas as sugestões efectuadas.

Mais um instrumento de gestão territorial e recursos a financiamentos comunitários que garantem o futuro do Concelho e o bem-estar das populações.