Indivíduo de 43 anos detido em frente ao posto da GNR de Nelas por maus tratos a animal é hoje presente a Tribunal

Militares do Posto da Guarda Nacional Republicana de Nelas detiveram no passado Sábado,em flagrante delito, um cidadão de 43 anos, residente no concelho pelo crime de maus tratos a animal.
Os factos ocorreram em frente ao Posto da GNR de Nelas, tendo sido presenciados pelo militar que se encontrava de serviço, após ter sido alertado por alguns cidadãos.
O detentor do cão parou em plena praça do Município e por diversas vezes, enquanto gritava para o animal, com uma mão apertava-lhe o focinho e com a outra desferia-lhe murros na cabeça, perante este facto, foi o indivíduo de imediato detido.
O detido foi notificado para comparecer no Tribunal de Nelas, no dia 2 de Novembro de 2015, tendo-lhe sido retirado o animal, que foi entregue a uma Associação Zoófila de Nelas.
No distrito, já foram elaborados mais de 26 autos de notícia por crime de maus tratos e abandono de animais de companhia.
O crime de maus tratos a animais de companhia encontra-se previsto no artigo 387.º do Código Penal e prevê pena de prisão até um ano ou pena de multa até 120 dias, para os agressores.