Borges da Silva não exclui nova discussão pública sobre o traçado do IC37

– Avaliação do impacte ambiental, elaborada durante o governo PS de José Sócrates, caducou
Numa altura em que a concessão rodoviária da Serra da Estrela voltou à ribalta da agenda política dos autarcas da região, o presidente da Câmara de Nelas,José Borges da Silva, revelou ao nosso jornal que “o que é prioritário neste momento é que as obras finalmente avancem”.

Empenhado em que a conclusão do IC12 e a construção do IC37 possam finalmente vir a ser uma realidade, o autarca de Nelas questionado pelo nosso jornal sobre a possibilidade de colocar novamente em discussão pública o traçado do IC 37 (Viseu-Nelas-Oliveira do Hospital-Seia), admite, se tiver condições para tal, discutir esta questão. Borges da Silva explicou-nos que “nem  Câmara nem o seu Presidente tomou qualquer posição ou discutiu sequer esta matéria do traçado do IC37 – aquilo em que nos temos empenhado junto dos autarcas envolvidos é na defesa da ligação por auto estrada entre Viseu e Coimbra-Figueira da Foz por tal via ser essencial no ponto de vista económico, na defesa da carácter prioritário da conclusão do IC12 entre Canas e Mangualde – e que até decorrerá da efetivação da autoestrada Viseu Coimbra – e do IC37 Viseu-Nelas-Seia. Isto para nós é que é essencial, as Estradas”.

“Se o traçado do IC37 for novamente possível discutir é evidente que pode sujeitar-se a tal discussão e decisão de forma democrática”,  referiu ao nosso jornal. “Consideramos que neste momento , no entanto, o essencial é colocar esta vias como prioritárias e de elevado valor acrescentado”. salientou ainda o edil de Nelas.

Lembramos que a estruturante via foi objeto de uma avaliação de impacte ambiental, tendo ficado definido o traçado a Norte de Nelas, passando por Vilar Seco e Senhorim, em detrimento da solução que passaria a Sul, em Canas de Senhorim e Felgueira. 
O autal governo deixou entretanto caducar este estudo de avaliação do impacte ambiental, ou seja, terá que ser renovado ou reavaliado.

8 comentários a "Borges da Silva não exclui nova discussão pública sobre o traçado do IC37"

  1. ""Lembramos que a estruturante via foi objeto de uma avaliação de impacte ambiental, tendo ficado definido o traçado a Norte de Nelas, passando por Vilar Seco e Senhorim, em detrimento da solução que passaria a Sul, em Canas de Senhorim e Felgueira. ""
    É UM ESTUDO FEITO PELOS ABUSADORES DO COSTUME(gente ligada ao poder e que só veêm aSnellas como única povoação do concelho), E EM BENEFÍCIO MAIS UMA VEZ E SEMPRE A FAVOR DA VILA DE nELAS E EM DESFAVOR DA VILA DE CANAS DE SENHORIM!!

  2. Este ódio não acaba nunca. É pena…

  3. Não se preocupe com esse ódio porque quem escreve é o tolito de Canas de Senhorim, que lhe entrou ar para as canalizações.
    Acredite que aqui em canas há gente muito, muito boa.
    O senhor sabe que em todo lado há sempre uma ovelha ranhosa.

    • Não se preocupe BS, o que quero é voltar a usufruir do cabo ladrão, desta vez nas devidas condições, da ultima vez apanhei um esticao que fiquei com os cabelos em pé…

    • O comentário possível de um cretino!
      Reenvindicar para Canas,não está ao alcance de quem pensa nas contrapartidas em proveito própio!
      É um cretino dos ex (todos juntos por Nelas),com a ambição de se emplastrar ao actual excutivo!!!!

  4. A ver vamos, se os interesses do Concelho de Nelas no seu todo se sobrepõe à mesquinhez e miopia de quem aprovou um traçado para servir as termas de Alcafache e proteger certos vinhedos.

  5. Atenção!
    Anda por aí à solta um tolito de Canas que deixou de tomar as GOTAS.
    Por isso torna-se verdadeiramente PERIGOSO.
    Recomenda-se e dão se alvissaras a quem o CONTROLAR.

  6. as piscinas de viseu podem ser alvo de um monumental @porco no espeto servido pelo próprio.Esgotada a golpada en Canas, deslocou-se de sitio e ataca agora pra terras bde viriato.
    Poderá vir a deslocar-se para o emprendimento de girabolhos onde lhe estava prometido um restaurante e piscina de exploração gratuita e subsidiada com dinheiros públicos; vamos estar atentos, o levantamento do tempo fá-loá sair do chiqueiro mais feroz que nunca.. á hhhh atenção: o porco não está vacinado e suspeita-se de peste suina.

Os comentários estão fechados.