Civilização Activa promove alunos de arte junto do Museu do Caramulo

Foto: Lucinda Saldanha
Legenda da Foto: Esquerda para a direita
Tiago Patrício Gouveia (Diretor Museu do Caramulo); Filipa
Pais, Patrícia Brás, Carlos Pina (alunos IPV); Luís Costa (Presidente
Civilização Activa)
Associação Civilização Activa de Nelas lançou o desafio aos
alunos do Curso de Arte, Design e Multimédia do Instituto Politécnico de Viseu
para a criação de um projeto de artístico para integração no espólio do Museu
do Caramulo.
O desafio foi aceite por três alunos do curso, Carlos Pina,
Filipa Pais e Patrícia Brás, que apresentaram o projeto artístico intitulado
“1948″ publicamente no dia 15 de setembro na Fundação Lapa do Lobo.
Este projeto teve como base uma
fotografia de Luís Miguel Costa, recolhida na rampa “Espirito do
Caramulo” em Maio de 2013, e os alunos desenvolveram o projeto artístico
inspirados no movimento Pop Art da década de 50, que foi hoje dia 28 de janeiro
entregue oficialmente a Tiago Patrício Gouveia, Diretor do Museu do Caramulo,
para fazer parte do seu espolio.
Para os responsáveis da
Civilização Activa esta iniciativa é muito importante, pois faz parte dos seus
objetivos promover a cultura. Neste caso a ideia foi estimular os jovens do
curso de arte, design e multimédia para a produção artística e ao mesmo tempo foi
dada oportunidade de mostrarem os seus conhecimentos e criatividade, tendo
agora uma peça num dos museus mais conhecidos em Portugal”

Mais informações:

Civilização Activa – 938 342 505
Sobre a Civilização Activa –
Associação
A Civilização Activa com o
contribuinte n.º 508 587 239, nasceu no Concelho de Nelas, pela união de um
grupo de jovens do Concelho de Nelas e do Carregal do Sal. Este grupo organiza
de forma voluntaria algumas atividades em conjunto desde 2005. No entanto a sua
formalização aconteceu em 13 de Junho de 2008, com o objetivo de promover a
cultura, a formação e o desporto junto da população em geral.
Entre muitos outros eventos,
temos o orgulho da criação, produção e realização do maior evento multicultural
da Região, o FESTIVAL TRIBAL que decorreu nos anos 2005, 2006, na Aldeia do
Folhadal e nos anos 2007, 2008 e 2009 na Quinta da Bugueira localizada nas
margens do Rio Mondego, junto da Vila Termal das Caldas da Felgueira.